Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para busca 3 Ir para rodapé 4 Acessibilidade 5 Alto contraste 6

---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


Dia de Formação marca o início do ano letivo para os profissionais de educação de Maracajá

Publicado em 03/02/2022 às 11:49 - Atualizado em 03/02/2022 às 11:49

Os professores, diretores e funcionários da Rede Municipal de Educação de Maracajá participaram nesta quarta-feira, dia 02, da cerimônia de abertura do ano letivo de 2022. O evento aconteceu no Centro de Eventos do Parque Ecológico, e contou com palestra motivacional e apresentação musical educativa.

 

A abertura do evento contou com a presença do prefeito Anibal Brambila, primeira-dama, Claudete Brambila, vice-prefeito, Volnei Rocha, diretor de Educação, Daniel de Souza, presidente do Legislativo, Rodrigo Xavier da Silva, secretária de Administração e Finanças, Rejane Pereira dos Santos, e os vereadores Matias, Edilane, Pita e João Rocha.

 

Além de dar boas-vindas aos educadores, o prefeito Anibal Brambila, enfatizou que a Educação de Maracajá tem se destacado não só pelos investimentos da Administração, mas também pela dedicação de cada profissional. "Cada um de vocês tem nossa gratidão e reconhecimento. Sabemos que será mais um ano difícil devido a pandemia, mas assim como no ano passado, com união e força de vontade vamos conseguir atingir nosso objetivo, que é ofertar educação de qualidade aos nossos estudantes", disse.

Para 2022 o objetivo da Administração de Maracajá, por meio do Departamento de Educação é continuar melhorando a qualidade do ensino ofertada na Rede Municipal. "Conseguimos no primeiro ano de gestão realizar importantes investimentos, na área de infraestrutura e ainda distribuir kits de materiais escolares, investimentos em mobílias e equipamentos e merenda de qualidade. Nosso objetivo para este ano é seguir investindo, sendo que a maior delas será a nova escola do Espigão Grande", detalhou.

 

Retorno Seguro

O ano letivo para os estudantes das três escolas e do Centro de Educação Infantil inicia na próxima segunda-feira, dia 7. Segundo o diretor de Educação, Daniel de Souza, as escolas já estão sendo preparadas para o retorno, tanto na parte estrutural, quanto nos cuidados de higiene no combate a Covid-19. "Será mais um ano desafiador a todos nós devido ao novo pico da pandemia. Mas, assim como no ano passado, tenho certeza que unidos vamos conseguir realizar um bom trabalho", comentou. Ele aproveitou para desejar um ano produtivo, e colocou o departamento de Educação à disposição de todos os educadores.

 

Palestra

Ainda pela manhã aconteceu uma palestra com Adriana Cordova Nunes, pedagoga, especializada em interdisciplinaridade e transdisciplinariedade, neuropsicopedagogia clínica e institucional, consteladora familiar sistêmica e pedagoga sistêmica. Ela realizou dinâmicas voltadas às vivências individuais e coletivas, buscando desenvolver e resgatar a alegria de estar no seu lugar de existência, pessoal e profissional. Todas as atividades foram com dinâmicas, movimento e músicas, que visaram elevar a vibração e a motivação para o início do ano letivo.

 

Música

No período da tarde a capacitação foi com o Trio do Mistura Fina Jazz, de Araranguá. Os músicos, que também são educadores, promoveram uma apresentação musical educativa, que teve como objetivo promover e valorizar a educação e seus profissionais por meio de uma apresentação utilizando vivências, reflexões e informações relacionadas à musicalização, educação e escolarização.

Como forma de agradecimento, a Administração presenteou os educadores com uma pasta personalizada.

 

Serventes e merendeiras

 

As merendeiras e serventes também participaram de uma capacitação. Os profissionais receberam orientações da nutricionista Cláudia Medeiros, que reforçou os cuidados da limpeza dos ambientes, higienização dos alimentos que entram na cozinha, boas práticas gerais e cuidados pessoais. "Também detalhei os cuidados com o lactário e a forma de servir os alunos mantendo distanciamento das mesas", concluiu.

 

A primeira-dama, Claudete Brambila, informou que os profissionais terão uma ‘ajuda’ extra nos trabalhos diários. “No ano passado sugeri que a Administração adquirisse uma máquina profissional de lavar louças, e a creche foi a primeira contemplada. Para este ano vamos equipar as demais escolas. A máquina lava, esteriliza e seca as louças, com isso vai ajudar muito, já que existe uma grande demanda de alunos”, explicou.